Skip to content

O contributo das livrarias tradicionais para a comunidade

December 4, 2008

Um livreiro dos Estados Unidos explica no seu blog porque é que os preços praticados na sua livraria são mais elevados do que, por exemplo, os da Amazon. Da sua explicação, destaco os seguintes excertos:

We simply cannot compete with those vendors on price.  What we believe we do deliver is a contribution to the quality of life in the community that remote mail order businesses cannot and will not provide.  Each reader will make his or her choice on the basis of what is most important to them.  Retail bookstores may well be the buggy whip stores of a previous century.  In 1992, when I was president of the American Booksellers Association there were about 4500 independent bookstores.  Today there are fewer than 1500 (…) Many folks understand the difference between price (what one pays for an item) and true cost (what one gets and/or sacrifices for it).  Many believe that what we, and other independent businesses, contribute to the life of the community makes the cost of buying from us lower than buying from Amazon or WalMart or…

E agora, pergunto eu, que depois de muito reclamar tenho vindo a comprar cada vez mais nas Fnac’s? Tenho pena, muita pena, mas enquanto estudante não-trabalhadora (ou trabalhadora não renumerada) não me posso dar ao luxo de comprar o mais caro. Mas, certamente, que mal tenha um ganha-pão a minha escolha recairá sempre sobre as livrarias tradicionais.

7 Comments leave one →
  1. December 4, 2008 2:19 pm

    Como eu percebo o que queres dizer. É mais que certo que o atendimento nas livrarias convencionais é muito melhor (bem, como em tudo, também há maus exemplos), mas se os livros já são caros e nós estamos cada vez mais pobres, temos de ir onde custa menos. As grandes cadeias não são o local indicado para conversar com os vendedores, mas se já soubermos à partida o que queremos, aproveitamos o que é mais barato. É triste, mas a vida é mesmo assim! Eu por mim também continuava a comprar das pequenas livrarias (fala alguém que nem sequer tem grandes cadeias de lojas na sua cidade), mas a carteira fala mais alto!
    Eu confesso! Poupo o ano todo para na altura da Feira do Livro poder comprar tudo o que quiser (isso inclui um buraco fundo e vazio na minha carteira, mas a satisfação é enorme!) Sou pobre (desenrascada) e tenho de saber onde se compra mais barato. Também não sou parva e sei que mesmo na Feira do Livro, às vezes não compensa comprar. Mas se houver necessidade mesmo de comprar um livro a meio do ano, então não tenho escolha senão comprar onde é mais barato. A nós não nos são dadas muitas hipóteses!
    [desculpa a treta toda]

  2. December 4, 2008 2:50 pm

    Eu compro, e de preferência onde for mais barato, onde houver o livro que quero. Não faço grande distinção, quando o dinheiro não é o problema.🙂

  3. December 4, 2008 7:51 pm

    Pois eu também não sou apreciadora de FNACs, mas a verdade que conjugam-se dois grandes factores:
    – preço (os livros são mesmo mais baratos);
    – acessibilidade (é mesmo num shopping aqui à beira de casa).
    Não há comparação com ir a uma grande e tradicional livraria como A Leitura, por exemplo, só que A Leitura é na baixa da cidade e a FNAC, mesmo aqui ao lado…

    (uma coisa à parte, se é que posso…sabes que acho que este novo layout não favorece o blogue…está muito “esquálido”, muito uniforme,o texto fica com uma aparência pesada, parece uma página do jornal…achas que fica mesmo melhor assim? Desculpa pela opinião que nem pediste, mas….)

  4. December 5, 2008 12:27 pm

    A FNAC já foi mais barata. Já não é, já há algum tempo que não é. Eu voltei às livrarias tradicionais. Têm o mesmo que as FNACs têm, e têm também aquilo que as FNACs não têm: os livros que não vendem tão bem, mas que são muito muito bons. Há coisas que só as boas livrarias tradicionais têm. Só há uma coisa em que as FNACs continuam a levar alguma vantagem: nos livros estrangeiros. Mesmo assim, sai muito mais barato mandar vir um livro estrangeiro pela Amazon do que comprá-lo na FNAC. É por essas e outras que só lá vou muito raramente. E normalmente apenas para ver. Quando é para comprar, vou às tradicionais, que têm a mesma coisa pelo mesmo preço.

  5. December 5, 2008 2:44 pm

    eu percebo que uma compra é feita em função do preço final, a maior parte das vezes, mas não nos devemos deixar enganar, nem pensar que alguns sítios têm tudo e outros nada. se, perto da vossa casa, existir uma livraria independente onde gostem de ir, não deixem de lá comprar, pelo menos, alguns livros, porque esse espaço depende muito mais da vossa compra do que uma fnac ou bertrand. depois, não pensem que nas grandes cadeias os livros são sempre mais baratos. a fnac já acabou com os descontos de 10% e, algumas vezes, os preços surgem manipulados e acabam por estar a comprar gato por lebre. existem várias livrarias independentes que têm happy hour, dias do livro, campanhas especiais, o que vos permitirá comprar livros mais baratos do que nas próprias fnac (eles não ficaram grande assim por serem uns santinhos, percebem?). a minha sugestão é, acima de tudo, não comprar novidades. praticamente todos os livros descem de preço 18 meses depois de terem saído. muitos, cada vez mais, acabam por ter edições de bolso, bastante mais baratas. Foram as grandes cadeias que obrigaram os livros a ficar muito mais caros, por isso temos que ser consumidores inteligentes, e um pouco exigentes também. pensar é a melhor forma de salvaguardar a carteira.

  6. December 5, 2008 3:38 pm

    Eu sou uma grande apaixonada pela livrarias tradicionais e jamais deixarei de lá comprar mas às vezes torna-se complicado. Lembro-me de ter comprado um livro na Centésima Página (Braga) e uns dias depois ter descoberto na Fnac o mesmo livro a custar menos 4 euros. E penso: porra, não vale a pena dar 4 euros a mais e ter o prazer de ter um espaço destes? Vale 4 e muito mais… Mas, num momento de crise, é complicado estar a dispensar…

  7. December 5, 2008 10:27 pm

    Isso era no tempo em que a FNAC fazia os tais 10% de desconto…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: