Skip to content

Incursão no mundo da Ficção Científica

November 9, 2008

bdeOs dias têm sido demasiado curtos para, no meio de tanto trabalho, conseguir ainda dedicar algumas horas diárias à leitura. Nunca devo ter lido tão pouco num período de tempo tão largo. Mas para quem não trata da sua saúde, a doença é implacável. E a minha não tardou a chegar: o vírus da “ausência de leitura” atacou-me violentamente o corpo, atirou-me para a cama e obrigou-me a uma sessão violenta de leitura.

A escolha recaiu sobre A Bondade dos Estranhos, de João Barreiros – um dos maiores escritores portugueses de Ficção Científica. As primeiras páginas custaram a avançar e não é complicado descobrir porquê:

Wiston desperta de um sonho de prazer e morte com uma baleia azul a gritar a milhas de distância. O som ribomba através das profundezas, próximo dos 188 decibéis, e este berro de agonia vindo de longe sacode o wetware do torpedo, rompe circuitos orgânicos, lança outros offline, aqui e ali soltam-se cabos de alimentação, uma das lentes virtuais desloca-se da córnea e parte do snuff-movie nipónico que participa perde a definição (…)

Um leitor não acostumado a este género de literatura começa a ler e não percebe patavina. É preciso não desistir e continuar. Neste momento já vou a meio do livro e estou completamente rendida, apesar de ainda não saber muito bem se gosto ou não, o que é estranho. Mas, pelo menos, uma certeza tenho: as minhas investidas na FC vão continuar.

[dica]: Ler a crítica ao livro “A Bondade dos Estranhos” aqui;

Advertisements
3 Comments leave one →
  1. mnazian permalink
    November 16, 2008 11:56 pm

    Esse João Barreiros parece bom, hein. Eu não conhecia.
    Aliás, pouco conheço dos escritores portugueses atuais além de José Saramago. Aqui no seu blogue tenho encontrado umas boas novidades. 🙂

  2. November 17, 2008 9:59 pm

    Exactamente, como em tudo na vida, é preciso insistir até se conseguir. 🙂

  3. June 8, 2010 11:43 am

    A fc não é uma linguagem assim tão alienígena. Tens os seus códigos, mas são facilmente transponíveis.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: