Skip to content

rede social para aspirantes a escritores

May 13, 2008

Lançado pela editora HarperCollins, Authonomy é um novo site onde os aspirantes a escritores podem deixar partes (no mínimo 10,000 palavras) dos seus manuscritos. Os textos serão depois avaliados pela comunidade do site. A editora pretende que o Authonomy ajude a descobrir novos talentos na escrita, tal como o MySpace ajuda na música.

Não é nada de novo. O que mais existe na internet são locais destes, onde qualquer um pode tentar demonstrar o seu talento. E, como refere Jean Hannah Edelstein neste artigo de opinião, a coisa servirá apenas para desentupir as secretárias dos editores. No Myspace ouve-se uma música, gosta-se e pronto. No Authonomy, não estou a ver os leitores a perderem tempo com um texto longo de um autor desconhecido. É que ao contrário da música, as letras não se consomem em dois minutos, é preciso alguma atenção, esforço e vontade. O Authonomy nunca chegará a ser uma sombra do MySpace porque os produtos são completamente diferentes (mesmo tendo em conta que os receptores também possam ser diferentes).

One Comment leave one →
  1. Caroline Mapeli permalink
    May 25, 2009 2:18 pm

    Querida Anne
    Sinopse: Minha vida era normal, tinha amigos lindos e populares, uma família que para dizer o mínimo era peculiar, e, bom, eu? Eu não sabia ao certo onde eu me encaixava nisso tudo, me sentia na maioria do tempo a margem, insignificante. Minhas amigas eram bonitas e interessantes demais para mim, eu sempre parecia um pouco mais esquisita perto delas. Cada uma ao seu modo com suas individualidades, Malu com seu coração imenso e sempre um bom conselho na ponta da língua, Lia que era linda de morrer de inveja, Marcella que conseguia fazer de tudo uma grande piada, Elisa doce e meiga e Path tão leal e auto-suficiente, mas eu, eu não conseguia posicionar a mim mesma, não conseguia dizer em que eu era importante para alguém. Minha irmã tinha toda a beleza que eu queria ter, mas ela jogava tudo para o alto sendo uma vaca o tempo inteiro. Por mais que sempre estivesse cercada de pessoas, ainda me sentia sozinha e excluída. Mas a vida me preparou umas surpresinhas para que eu pudesse encontrar meu próprio espaço no mundo.
    Tudo começou por Elisa com todos seus problemas com Bruno seu, hora ex hora atual, namorado, ela descobriu que ele a traiu, causando o maior reboliço entre nosso grupo de amigos da faculdade. Depois foi a vez de vovó adoecer, tudo por conta da interminável picuinha de mamãe com Tia Estela, fazendo vovó ir parar no hospital.
    Nesse meio tempo mal deu para notar que Leo, minha, hum… por falta de palavra melhor paquera, estava sumido da faculdade. Nem deu tempo de pensar se isso era bom ou ruim, já que ele era um completo idiota e meu coração insistia em ficar batendo mais forte por ele, quando descobri as causas de sua ausência. Ele estava no mesmo hospital que vovó, internado. Leo estava com esclerose múltipla, eu visitei-o, mas ele não ficou nada contente e me fez jurar guardar esse segredo alegando que não queria ver ninguém com pena dele, o que seria muito difícil devido ao meu hábito de falar demais.
    Mas meus problemas não acabaram por aí, para acrescentar uma colherada em meu prato já cheio, Marcella estava sendo violentada por seu padrasto junto com sua irmã de NOVE ANOS, fazendo Lia, Malu e eu pirar de preocupação. Tendo que conciliar soluções para todos esses problemas e ainda achar espaço para as excentricidades de Charlotte minha irmã, penso que vou pirar.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: