Skip to content

Grey’s Anatomy

January 30, 2008
greys_anatomy.jpg
ver de uma assentada 3 temporadas de Grey’s Anatomy não deixa qualquer um indiferente. um dia, numa fila de um qualquer lugar, ouvi dois rapazes a discursarem sobre a série: que é claramente uma “série de gaijas” e que por isso “todas as gaijas gostam”. o que me levou a sorrir porque Grey’s Anatomy não é claramente uma série para meninas. sim, porque assistir a tanta dor, drama, tragédia, tristeza, traição e morte não é para quem quer, é para quem pode. e, eu, não posso claramente. não aguento tanto desgosto amoroso sem ficar com o coração partido e chorar, chorar até não poder mais. desejar que a Meredith e o McDreamy fiquem finalmente juntos, que o George e a Izzie sejam felizes, sem magoar a Callie, que a desastrosa Yang encontre outro Burke. é demais para mim. no fim, até me sinto ridícula. mas vale a pena, pá.
Advertisements
9 Comments leave one →
  1. Rui Passos Rocha permalink
    January 30, 2008 5:59 pm

    Ó Eduarda, um argumento como «Grey’s Anatomy não é claramente uma série para meninas» não é propriamente engrandecido com afirmações como: «desejar que a Meredith e o McDreamy fiquem finalmente juntos, que o George e a Izzie sejam felizes, sem magoar a Callie, que a desastrosa Yang encontre outro Burke». 😛

  2. January 30, 2008 6:42 pm

    …hum…gostas desta série??….(surprised…)
    😦

  3. January 30, 2008 11:07 pm

    pois não 🙂

    IM, “surprised” porquê?

  4. January 31, 2008 11:17 am

    Ó Eduarda, como eu te compreendo!! Também vi as três temporadas seguidas e a determinada altura as personagens já eram tão reais para mim como as pessoas com quem eu convivo diariamente!
    As lágrimas que eu chorei… pick me, choose me, lol… E olha que não sei se será bem para meninas: os argumentos é que poderão ser díspares. Conheço uns certos meninos que não perdem um episódio porque têm grandes fantasias sexuais com a Izzie ou com a Addison… Assim podem ver a série sem sentirem a sua masculinidade posta em causa 😉 . Um beijinho e até breve*

  5. January 31, 2008 11:53 am

    lol
    eu por acaso não conheço nenhum menino que veja a série. mas claro que os há. têm é vergonha de assumirem. enfim, coitaditos.
    beijinho e até breve 🙂

  6. January 31, 2008 1:46 pm

    há aqui um. a Katherine Heigl tem peso, é verdade (como não?). mas o argumento, esse que dizem pesado, é demasiado asséptico para ter por palco um hospital, é tudo muito branco. enfim, nada de especial. prende pela novela – que dizer do nosso lado voyeur?

  7. neverminder permalink
    February 5, 2008 3:06 pm

    Concordo com a Eduarda. Os meninos não gostam pelo menos de assumir que vêem Grey’s, mas incrivelmente todos vêem House, similar no ambiente asséptico, e, claro está, basicamente porque o protagonista é um génio durão. E o não ter “nada de especial” é naturalmente uma opinião dum menino típico das letras 🙂 sem ofensa claro!

  8. February 6, 2008 11:19 am

    é uma observação preconceituosa, mas na liberdade, acredito, não existe ofensa. Load up on guns/
    Bring your friends
    ! 😉

  9. neverminder permalink
    February 6, 2008 2:10 pm

    Smells Like Teen Spirit 🙂

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: