Skip to content

m.

June 12, 2007

um dia conheci m. rapaz de poucas palavras e muitos olhares. curtos, silenciosos, penetrantes. na altura, eu ainda era menina de ficar corada ao lado de menino. o problema é que m. também era menino de ficar corado ao lado de menina. daí que o nosso encontro tenha sido uma catástrofe, bonito, mas catástrofe na mesma. os movimentos estavam descoordenados: eu levantava-me, m. sentava-se; eu enrolava o pacote de açúcar, m. não sabia simplesmente o que fazer às mãos. por vezes perguntava-me se m. não tinha saído de um livro de ficção.  depois, não há muito mais para contar: m. partiu para país distante, eu ainda tento descobrir de que livro fugiu.

2 Comments leave one →
  1. bytemania permalink
    June 14, 2007 1:38 pm

    The principles of lust… are easy to understand
    Do what you feel… feel until the end
    The principles of lust… are burnt in your mind
    Do what you want… do it until you find love…

    Michael Cretu

  2. June 18, 2007 11:11 am

    🙂
    um texto que merece (é) um sorriso

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: